funlibre

Ir a FUNLIBRE

 

Ir a La Red Latinoamericana

Centro de Documentación Virtual en Recreación, Tiempo Libre y Ocio

 

Ir a la Red Nacional de Recreación

Servicio de la Fundación Colombiana de Tiempo Libre y Recreación

Fundación Latinoamericana de Tiempo Libre y Recreación - FUNLIBRE Costa Rica

 

 

 

Documento:

UMA EXPERIÊNCIA DE EDUCAÇÃO VIRTUAL PARA A FORMAÇÃO EM RECREAÇÃO

UNA EXPERIENCIA DE EDUCACION VIRTUAL PARA LA FORMACION EN RECREACION

Autor:

Maria Teresa Marques Amaral [i] y Christianne Luce Gomes [ii]

Universidade Federal de Minas Gerais. Brasil.

Origen:

IX Congreso Nacional de Recreación
Coldeportes / FUNLIBRE
14 al 17 de Septiembre de 2006. Bogotá, D.C., COLOMBIA.

 

 

 

 

×  Ir a más Documentos

 

Ú   Uso apropiado
del Documento

 

Ø Ponencias del Congreso

 

 


Ponencia

 

 

O Programa de Educação Continuada em Recreação consiste em uma proposta acadêmica de qualificação profissional implantada em 2004 a partir de uma parceria do CELAR/UFMG com a Universidade Corporativa do SESI. O Programa prevê a realização de Cursos (Especialização e Extensão); Eventos; Publicações e Grupos de Estudos, entre outras possibilidades.

 

Metodologia de Ação

 

A educação à distância (EAD) foi escolhida por representar uma estratégia metodológica que facilita o acesso de um expressivo contingente de profissionais ao processo de educação continuada, sobretudo em realidades onde isso não seria possível presencialmente. A EAD apresenta-se como instrumento capaz de viabilizar as exigências de qualidade pedagógica, de escala e de custo-efetividade requeridas por um processo educacional como este. A plataforma viabiliza a interatividade e o diálogo, possibilita o acesso ao material didático em formato on-line, exercícios e avaliações, fórum de discussão, sala de chat, intercomunicador em tempo real, biblioteca virtual, etc.

 

Objetivos

 

Qualificar os profissionais de Lazer para atuarem como educadores e gestores de projetos e ações nesta área.

Ampliar as possibilidades de acesso dos profissionais de Lazer à formação continuada priorizando as estratégias de educação à distância.

 

Ações

 

Ações prioritárias na primeira etapa do Programa (2004-2006):

Curso de Especialização, em nível de Pós-graduação lato sensu (420 horas):

Estudos Avançados do Lazer (Recreação).

Cursos de Extensão (120 horas cada):

         Atualização em Recreação e Cultura;

         Atualização em Dimensões Políticas da Recreação;

         Atualização em Gestão da Recreação.

O Programa foi concebido considerando a flexibilização curricular com aproveitamento de estudos dos Cursos de Atualização para o Curso de Especialização.

 

Cronograma

 

Ações preparatórias do Projeto:

2002: Pesquisa diagnóstica sobre o lazer no SESI;

2003-2004: Concepção do Programa, encaminhamentos administrativos;

2004: Elaboração do material didático, composição da equipe de trabalho na UFMG;

 

Seminário de Lançamento do Programa e Workshop com os professores

2005: Qualificação tutorial; divulgação dos Cursos do Programa.

 

Ações realizadas no período do Projeto:

2005: Inscrição, seleção, matrícula e início do Curso de Especialização;

Inscrição, seleção, matrícula e início do Curso de Atualização em Recreação e Cultura.

 

Ações posteriores ao evento:

 

Proposta pedagógica em andamento.

As ações desenvolvidas na segunda etapa do Programa serão definidas posteriormente.

 

Meta

Curso de Especialização: 66 vagas (60 para o SESI e 6 destinadas a bolsa de demanda social conforme Normas da UFMG).

Na 1ª oferta: 135 inscritos 65 alunos foram selecionados.

Curso de Extensão: Atualização em Recreação e Cultura: 60 vagas, 64 inscritos.

 

Avaliação

 

Instrumentos e ações:

Avaliação periódica processual realizada por todos os envolvidos alunos, professores, tutores e coordenadores do SESI e da UFMG ao final de cada Núcleo do Curso de Especialização e após cada Curso de Extensão de forma presencial ou on-online.

 

Recursos

 

Físicos:

Espaço adequado com toda a infra-estrutura necessária à EAD, computadores conectados à internet. Dependências da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG; Espaço multimeios da Faculdade de Educação e bibliotecas da UFMG.

 

Humanos:

 

Coordenação acadêmica: composta por um coordenador geral, um coordenador pedagógico de meios e mídias, um coordenador de tutoria (apoio à aprendizagem) e um coordenador administrativo.

 

Professores Especialistas: responsáveis pela elaboração do material didático do Programa. respondem pela realização acadêmica das disciplinas.

 

Equipe de Tutores: Selecionados por meio de Edital com formação Lato sensu na área da Recreação. Atuam na proporção de um tutor para cada 22 alunos, no máximo, acompanhando o dia a dia das atividades acadêmicas dos alunos.

 

Professores Orientadores: Responsáveis pela orientação do processo de produção das Monografias de Conclusão do Curso de Especialização, e integram as bancas de defesa pública.

 

Bolsistas de graduação: Desenvolvem trabalhos de pesquisa

 

Secretária acadêmica: responsável pela matrícula, históricos escolares e certificados.

 

Materiais

Infra-estrutura apropriada à EAD.

 

Produção de 13 livros sobre a Recreação (versão impressa e on-line), como material didático do Programa:

 

1- Lazer e diversidade cultural (Ana Gomes e Eliene Faria); 

2- Lazer e trabalho (Christianne Gomes);

3- Lazer, lúdico e educação (Vânia Alves; Christianne Gomes e Ronaldo de Rezende); 

4- Lazer e saúde (Yara Carvalho); 

 

5- Lazer, cidade e comunidade (Victor Melo); 

6- Lazer, cidadania e responsabilidade social (Carlos Jamil Cury); 

7- Políticas participativas de lazer (Leila Mirtes Pinto);

8- Elaboração, monitoramento e avaliação de projetos sociais de lazer (Patrícia Zingoni);

 

 9- Administração aplicada ao lazer (Marco Antônio ); 

10- Gestão estratégica de negócios de lazer (Antonio Bramante); 

11- Gestão de serviços de lazer (Ricardo Veiga); 

12- Lazer, empresa e atuação profissional (Hélder Isayama);

 

 13- Metodologia da Pesquisa aplicada ao Lazer (Maria Teresa Amaral e Christianne Gomes).

 

Resultados Obtidos

 

Os resultados obtidos com o desenvolvimento do Programa indicam que a aprendizagem à distância ocorre a partir da construção do conhecimento em interação com a realidade. Sendo uma proposta inovadora, algumas dificuldades estão sendo avaliadas:

 

           acesso, por parte dos alunos;

           equipamentos compatíveis com tecnologia avançada para facilitar o uso dos recursos de ensino que o ambiente virtual oferece;

           disponibilidade de tempo para estudar e participar das discussões;

           interesse para desenvolver atividades de forma diferente da convencional;

           reconhecimento da educação à distância como possibilidade viável para a formação de profissionais do lazer.

 

 

Especificidades

 

A necessidade de ampliar os obstáculos temporais e espaciais da visão tradicional de EAD  minimizando as barreiras sociais e culturais.

O Programa de estudos avançados em Recreação pretende:

 

Para além das barreiras temporais:

           respeitar o ritmo,

           as condições,

           a capacidade e as possibilidades dos alunos;

 

Para além das barreiras geográficas:

          utiliza os meios de comunicação e os espaços não escolares e

          pretende superar as desigualdades de acesso à educação.

 

Este Programa vem possibilitando a constituição de grupos de estudo e troca de experiências entre os envolvidos, aspectos fundamentais para o processo ação-reflexão-ação. Esse processo, ao interpretar pedagogicamente os problemas da área da Recreação, permite conduzir o aluno a desenvolver uma prática reflexiva que vai se incorporando não só ao seu processo de trabalho, mas na reconstrução da sua prática profissional.

 

Trata-se de uma tarefa desafiadora e, ao mesmo tempo, inovadora. O fato de ter disponível dentro da plataforma ferramentas que garantem a comunicação em tempo síncrono e assíncrono através do fórum de discussão e sala de chat é possível viabilizar num futuro próximo, a construção de uma comunidade colaborativa de aprendizagem que será constituída por esses profissionais do lazer tendo como foco Estudos Avançados da Recreação.

 

 

 

 

Uso apropiado de los documentos:

FUNLIBRE

ü        Los documentos pueden ser bajados o impresos (una sola copia) para uso personal.

ü        Usted esta en libertad de editarlos y usarlos en sus proyectos, dando el crédito al autor del documento.

ü        Está prohibido, moral y legalmente, vender el documento o hacer una reproducción del mismo con ánimo de lucro.

ü        No esta autorizado copiar, extraer, resumir o distribuir el documento fuera de su propia organización y/o de manera que compita o substituya la base de documentos de FUNLIBRE o de las Redes de las que la Fundación es el Nodo Central.

 

FUNLIBRE es una ONG sin ánimo de lucro que desde hace más de 18 años ha venido impulsando con vocación latinoamericanista el fortalecimiento y desarrollo del sector de la recreación y el tiempo libre en Colombia y la Región mediante la Investigación, la Formación, las Vivencias y la Gestión en Recreación.

 

Nos interesa conocer sus comentarios sobre los documentos

Envíenos un mensaje

 

Repórtenos el uso del Documento

VOLVER A LA RELACION DE PONENCIAS DEL 9º CONGRESO

   Fundación Colombiana de Tiempo Libre y Recreación - FUNLIBRE © 1988 - 2006

Fundación Latinoamericana de Tiempo Libre y Recreación - FUNLIBRE Costa Rica

 



[i] Cátedra de Educação a Distância

Unesco/Universidade Federal de Minas Gerais, Brasil

[ii] Centro de Estudos de Lazer e Recreação

Universidade Federal de Minas Gerais (CELAR/UFMG), Brasil